O nome SETENTA

O nome Setenta surgiu do pai do fundador e sócio maioritário da Serralharia O Setenta. Domingos Fernandes era polícia em Braga e tinha o número 70 da ordem. Com o passar do tempo, e uma vez que era um agente da autoridade muito conhecido em Braga, o Sr. Domingos Fernandes começou a ser reconhecido pelo seu número, “O Setenta”.
O nome estendeu-se à família e, quando o filho, José Correia Fernandes se lançou, em 1964, na actividade de serralharia, o nome permaneceu uma vez que era assim conhecido na cidade.

A Serralharia O Setenta foi constituída em 1975 por José Correia Fernandes. Na altura, o principal sócio fundador tinha já uma experiência de onze anos no sector, como empresário em nome individual. A experiência e o conhecimento que os clientes tinham da qualidade do serviço constituíram uma importante mais valia nos primeiros anos de actividade da empresa.

No final da década 70 princípio da década de 80, apesar da crise que o país atravessava a Serralharia O Setenta revelava-se uma empresa em franco desenvolvimento, com três aumentos de capital sucessivos em 1978, 1982 e em 1993. A década de 80 traz à Serralharia O Setenta novos sócios e uma organização interna mais moderna e adaptada à nova realidade de um país e de uma região em crescimento.

Em 2001, o capital da Serralharia foi aumentado para 500.000 euros passando a sociedade anónima. A empresa consolidou-se a nível nacional como uma referência no sector da serralharia. A evolução do valor global das vendas, o aumento progressivo do número de funcionários e o aumento dos equipamentos produtivos são prova da confiança que os clientes depositam na qualidade do trabalho da Serralharia O Setenta.

UMA REFERÊNCIA NA CONSTRUÇÃO EM METAL